1001 álbuns para ouvir antes de morrer
'1001 Albums You Must Hear Before You Die’
20 de Março de 2009

the chirping crickets (1957)

‘The "Chirping" Crickets’ é o álbum de estréia da banda de rock and roll ‘The Crickets’, liderada por Buddy Holly. Apesar do título do álbum, os grilos não cantam no álbum. O nome da banda surgiu por causa de um grilo que insistia em acompanhar os ensaios de Buddy Holly e seus colegas. De tanto ouvirem o grilo, batizaram a banda de ‘The Crickets’. Mais tarde, inspirado pela escolha de Buddy Holly, surgia em Liverpool um quarteto que também tinha um inseto como nome: 'The Beatles'. A palavra correta é ‘beetles’, mas John Lennon quis fazer um trocadilho com a palavra ‘beat’ por significar ritmo em inglês e para batizar a 'geração beat', que reunia, entre outros, poetas como Jack Kerouac, autor do clássico 'On The Road'. Em 2003, o álbum ‘The "Chirping" Crickets’ foi classificado com o número 421 na lista da revista Rolling Stone dos 500 melhores álbuns de todos os tempos.


01. Oh, Boy!
02. Not Fade Away
03. You’ve Got Love
04. Maybe Baby
05. It’s Too Late
06. Tell Me How
07. That’ll Be the Day
08. I’m Looking for Someone to Love
09. An Empty Cup (And a Broken Date)
10. Send Me Some Lovin’
11. Last Night
12. Rock Me My Baby
13. Think It Over
14. Fool´s Paradise
15. Lonesome Tears
16. It´s So Easy


download:
The “Chirping” Crickets (1957)


the crickets - that’ll be the day






publicado por mara* às 13:35 link do post
traduza para

Google-Translate-Portuguese to French Google-Translate-Portuguese to German Google-Translate-Portuguese to Italian Google-Translate-Portuguese to Japanese Google-Translate-Portuguese to English Google-Translate-Portuguese to Russian Google-Translate-Portuguese to Spanish
mais sobre mim
pesquisar neste blog
 
agradeço a visita



1001 albums you must hear before you die


É um livro de referência musical editado por Robert Dimery, co-fundador da Revista Rolling Stone e que escreve para a Time Out e Vogue. Originalmente publicado em 2005, o livro é constituído por uma lista de 1001 discos lançados entre 1955 e 2008, escolhidos por críticos, divididos por décadas e organizados em ordem cronológica. O livro foi revisto em 2007, 2008 e 2009, para incluir álbuns recentes. Todos são analisados conforme a importância na época, impacto sobre o público e vendagem. Os brasileiros indicados são analisados por Andrew Gilbert, especialista em música brasileira. Os 1001 discos não são unanimidade e o ‘porque’ de uns estarem no livro e outros não, são perguntas inevitáveis, há muita porcaria e muitos esquecidos.
ferramentas

página inicial página inicial
contato contato
twitter siga-me
feed facebook
recomende recomende
receba atualizações

Enter your email address: